Consideradas verdadeiras obras de arte, diversas estações de metrô são vistas com outros olhos. Entenda o por quê

Muitos países ao redor do mundo não enxergam as estações de metrô como “simples estações”, mas sim como patrimônios históricos, artísticos, culturais e até turísticos. Elas são verdadeiras obras de arte, com muita cor, estruturas diferentes, design encantador e, claro, pessoas indo e vindo.

 

Em 1963 a primeira linha de metrô foi inaugurada em Londres, com o objetivo de transportar o maior número de pessoas em um único meio, a fim de melhorar o trânsito. No Brasil, a primeira linha foi inaugurada um século mais tarde, em 1974, com a linha 1-Azul na cidade de São Paulo.

 

Infelizmente, muitos usuários não param para apreciar diversas artes expostas no interior das estações – seja por falta de tempo, interesse ou até mesmo por não conhecerem o valor dessas obras.

 

Em diversos destinos da Europa, principalmente, planejadores urbanos tomaram a decisão de quebrar a monotonia e oferecer experiências ricas e diversificadas aos usuários do metrô – o que resultou em estações realmente maravilhosas.

 

Confira abaixo 10 das estações de metrô mais bonitas do mundo e não perca a chance de apreciar belezas arquitetônicas em suas viagens:

 

Formosa Boulevard Station, Kaohsiung, Taiwan

metro

A estação de metrô de Kaohsiung, em Taiwan, possui uma beleza totalmente diferente do comum. Criado pelo artista Narcissus Quagliata, a chamada “Dome of Light” é a maior instalação de arte pública do mundo feita com peças individuais de vidro colorido. A obra exposta na estação tenta levar os passageiros à uma jornada pela vida humana.

 

Toledo Station, Nápoles, Itália

estações de metro

Projetada pelo arquiteto espanhol Oscar Tusquets Blanca e pelo designer William Kentridge, a estação de metrô em Toledo, Nápoles, foi inaugurada em 2012 e concebida em torno de temas aquáticos que provoca ilusões de ótica impressionantes. Além de ser uma das estações mais importantes, é também a mais movimentada do sul da Itália.

 

Komsomolskaya, Moscou, Rússia

metro estações

A estação Komsomolskaya foi projetada por Dmitry Chechulin e é um verdadeiro convite para dança. A arte tradicional russa chama a atenção de todos que passam por ali. Quem olhar para cima pela primeira vez pode pensar que, na verdade, a estação se trata de um enorme salão de dança clássica, museu ou teatro. A paisagem urbana vem acompanhada do melhor estilo barroco e foi inspirada em um famoso discurso do ditador Stalin após a Segunda Guerra Mundial.

 

Kungstradgarden Station, Estocolmo, Suécia

metro

Especialmente projetada, a Kungstradgarden Station, em Estocolmo, foi inspirada no Palácio Makalos e busca manter os detalhes da época colonial. No entanto, o design moderno, com luzes coloridas e placas indicativas, além da estrutura diferente, impressiona a todos, até mesmo os mais jovens.

 

Olaias Station, Lisboa, Portugal

metro

A estação Olaia, em Lisboa, foi projetada pelo arquiteto Tomás Taveira. O local chama a atenção de milhares de pessoas, pois ela foi feita para celebrar os 500 anos de invenções portuguesas. Para isso, os detalhes foram pensados com muito cuidado. São 10 pilares de metal que envolvem a plataforma, além da estrutura metálica em forma de peixe, junto ao elevador panorâmico.

 

T-Centralen, Estocolmo, Suécia

metro proximo

A estação T-Centralen também fica localizada em Estocolmo – capital e maior cidade da Suécia. Após entrar na estação, cada passo é uma belíssima viagem. Primeiramente, a sensação é de estar descendo rumo à uma caverna (onde seria a plataforma) passando por construções impressionantes (as escadas rolantes) e obras de arte com desenhos florais abstratos (paredes) até chegar ao trem de fato.

 

Astor Place, Nova York, EUA

estações do metro

Os moradores de Nova York dizem que a estação mais bonita da cidade é a Astor Place. A entrada é realmente muito encantadora, com painéis de porcelanas geométricas projetada pelo renomado artista gráfico Milton Glaser – o mesmo criador do logotipo “I Heart (coração) NY”.

 

Bund Sightseeing Tunnel, Shanghai, China

linhas do metro

Desde a abertura, em 2000, o The Bund se tornou uma das atrações mais populares de Shanghai. Porém, ao contrário do que o nome indica, os passageiros não verão nenhum ponto turístico no Bund ao pegar os carrinhos automatizados sob o rio Huangpu para Pudong. A viagem dura em torno de 5 min e, ao longo do trajeto, é possível experimentar um show de luzes LED com efeitos sonoros e bonecas infláveis.

 

University Of Chile Station, Santiago, Chile

estação metro

Bem pertinho do Brasil, no Chile, tem a estação de metrô Universidad de Chile. No local é possível ver o mural Memoria Visual de uma Nación, de Mario Toral, narrando a política, a religião, os triunfos e as tragédias chilenas. Ou seja, além de ser um meio de transporte, também é repleta de história.

 

Westminster, Londres, Inglaterra

mapa metro

O metrô mais antigo do mundo, em Londres, não deixa de ser moderno. A famosa estação Westminster foi desenhada por Michael Hopkins. Composta por tubos de aço, tetos altos e vigas de concreto, a estação moderna traz um aspecto industrial bastante interessante aos passageiros.