De acordo com fonte do governo, o aumento para 1,1% pode ser só o início

No dia de ontem a economia brasileira recebeu a inesperada notícia de que o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sofreu um aumento de 0,38% para 1,1%, a nova medida começa a valer a partir de hoje, 03 de maio de 2016. A mudança buscou diminuir a diferença entre as taxas de imposto cobrados na aquisição da moeda estrangeira em espécie ( IOF 1,1%) e em cartão de crédito, débito, cartões pré-pagos e cheques  que possuem incidência de 6,38%.   

 

Embora o imposto sobre a compra em espécie de moedas estrangeiras tenha aumentado, a diferença entre o valor para as outros meios de compras de bens e serviços no exterior (citadas acima)  ainda é grande e, por isso, o ajuste foi só o início de mudanças sistemáticas na alíquota que pode chegar até 3%.  De acordo com fonte do governo ouvida pelo Broadcast, o aumento inicial do IOF foi um teste para saber como o mercado de câmbio ilegal reagiria e assim aumentar o valor do imposto gradativamente.

 

“O governo quer levar o IOF para a compra de moeda para a metade da alíquota cobrada dos cartões, mas é preciso testar primeiro o impacto da medida, porque não queremos incentivar o câmbio negro. Por isso, é provável que ainda haja ainda um segundo movimento intermediário levando a alíquota para cerca de 2% futuramente, e só depois para algo em torno de 3%”, afirmou a fonte do governo ouvida pelo Broadcast.

Caso o mercado negro ganhe tração devido aos aumentos do IOF, é provável que os  aumentos planejados pelo governo não se realizem para não incentivar o câmbio ilegal.

 

O que é dólar paralelo?

O Câmbio “negro” ou “paralelo”, são nomes dados às operações cambiais que não possuem registro no Banco Central, ou seja, são transações não autorizadas, sem garantias legais e proibidas por lei no Brasil. Geralmente, a troca dessas moedas acontecem fora das casas de câmbio e dos bancos, daí o nome paralelo.  Vale ressaltar que os praticantes do câmbio ilegal, tanto fornecedor quanto comprador, podem sofrer penalidades.

A BeeCâmbio é a primeira correspondente cambial brasileira totalmente online. A plataforma permite realizar a compra de moeda estrangeira sem sair de casa e visualizar o histórico de cotações em tempo real. Planeja sua viagem e transforme seus sonhos em realidade com a gente!