Saiba como os acontecimentos políticos podem influenciar as cotações das moedas estrangeiras

A pergunta “Qual o melhor momento para comprar dólar?” é frequente. Porém, será que esse momento de compra de moedas realmente existe? As pessoas estão sempre de olho nas oportunidades e em busca de uma melhor cotação no momento da compra. De fato, os dias com maior demanda geralmente são aqueles nos quais as moedas sofrem desvalorização. Por exemplo, no dia 8 de abril, uma queda de 2.6% na cotação do dólar aumentou em 15% o tráfego no site da BeeCâmbio, primeira casa de câmbio online, e em 50% o número de vendas.

 

Entretanto, nem sempre o aumento da demanda é causado apenas pela queda nas cotações, o impacto é multiplicado quando fatos políticos acompanham a desvalorização. No dia 4 de março, dia da condução coercitiva do ex-presidente Lula pela polícia federal, o tráfego no site foi 344% maior que a média diária e as vendas aumentaram 844%. O mais interessante é que, apesar do dólar ter recuado 5,93% na semana, no dia 4 a queda foi de somente 1,09%, ou seja, menos da metade daquela observada no dia 8 de abril, e mesmo assim o impacto na demanda foi muito maior.

 

Este fenômeno não ficou reservado ao dia 4 de março, os últimos meses foram marcados por uma sucessão de fatos políticos entre eles, delações, manifestações, prisões de senadores, medidas judiciais, operações da polícia federal e votações no processo de impeachment, todos estes com impacto semelhante na demanda por moedas estrangeiras. Isso prova que existem outros fatores além do preço da moeda que afetam a decisão do consumidor sobre a melhor hora de comprar.

 

De acordo com Fernando Pavani, sócio-diretor da BeeCâmbio, este fenômeno ocorre por 2 motivos principais: “Estes fatos são amplamente noticiados pela mídia, portanto mesmo aqueles que não acompanham os preços diariamente acabam tomando ciência das variações. Além disso, as pessoas que fazem reserva de valor veem esses fatos como indícios de instabilidade econômica, levando-os a adquirir moeda nos momentos de baixa”.

 

Contudo, nem todo fato político age a favor da demanda. A nomeação do ex-presidente Lula para o ministério da casa civil resultou em uma alta de 2,08% na moeda americana, o que contribuiu para uma queda de 47% no tráfego do site, redução de 13% no número de operações e tickets 10% abaixo da média.

 

Apesar das pessoas comprarem mais em dias que a desvalorização das moedas é acompanhada de fatos políticos, isso não quer dizer que o momento seja o ideal para efetuar a compra. Para conseguir bons preços é importante acompanhar as cotações diariamente, uma vez que há a possibilidade da moeda desejada ser cotada abaixo da média e sem o alarme da mídia. É possível acompanhar cotações do dólar turismo diariamente ou intraday na página de cotação da BeeCâmbio.